segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Rosas de papel

"Trespassaste-me com o olhar. Foi isso. Como uma onda magnética que atravessou o meu corpo e deixou nele algo dela. Uma coisa estranha, algo mais elevado do que aquilo que possa estar ao alcance das explicações humanas e lógicas. You had me at the first glance... E aí, soube instintivamente o que ia acontecer... e sorri...

... It might not be the right time... I might not be the right one..."

video