domingo, 5 de setembro de 2010

80's

Não vou falar dos cabelos choque eléctrico, dos padrões de vestuário sui generis ou da extravagância que faz de Lady Gaga uma aprendiz de feiticeira. Vou apenas falar de música.

Eu que vivi os anos 80 desde o início e que, portanto, tenho muitas dessas músicas incluidas no meu imaginário, continuo sem perceber como é que os 80's estão sempre na moda. É in dizer que se gosta da música dos anos 80, é in ouvir a M80, é in ir para uma discoteca para dançar anos 80. Aqui, queiram-me desculpar, mas é que não percebo mesmo. Como é que se dança música dos anos 80? Eu sei como é... também já dancei... É quase como dançar o twist a bordo de uma nave espacial no ano de 3945. Só faltavam lá os meus pais, eufóricos ao som da "Final Countdown". Torna-se suportável apenas se brincarmos com as músicas e, claro, em boa companhia. Confesso que não são muitas as músicas dessa década que me arrepiam no bom sentido (porque no mau... ui!) e, adivinhem, nenhuma dessas é propriamente "dançável". 

Outra coisa que eu acho interessante é o facto de muitos fans desta onda musical nem terem estado grande tempo nos anos 80, ou pelo menos tempo útil (em que se lembrem de facto de ouvir música que não fosse de embalar). Se calhar é por isso mesmo... não têm a noção! (lol... sou tão má!). Esse tipo de revivalismo (no sentido de reviver algo que não se viveu) faz-me muita confusão. É que mesmo na minha geração, torna-se estranho perceber pois, se bem que há várias músicas dos anos 80 que me reportam a momentos específicos da minha vida de criança, eu só comecei a dar real importância e a apreciar e ter consciência da qualidade musical (ou falta dela) na minha adolescência, ou seja... nos 90! E, como tal, para mim os anos 90 sim, those were the days! Terei sempre um carinho especial pelo grunge, mas também houve o boom de outros novos estilos musicais, alguns evoluindo a partir dos anteriores. Nesse sentido, e já que há pouco falava em abanar o capacete, a dance music a partir de 90 está a anos luz (no bom sentido) dos 80's. Ok, os 80's foram o princípio. Tudo tem de evoluir a partir de algo, da mesma maneira que as cassetes deram origem aos Cd's!... Mas agora perguntem-me qual deles prefiro...

Bem sei que gostos não se discutem... e quem sou eu para ir contra 90% da população acima dos 20 anos? Tanta gente não pode estar errada!...

5 comentários:

Ursinho de peluche disse...

Nem sei como posso comentar isto, pois sou um admirador da música dos anos 80. Como tal, tem que ser visto como música dos anos 80. Claro que há música de muito melhor qualidade instrumental. O carinho com que te referes aos anos 90, será o mesmo a que me refiro aos anos 80. O grunge já acabou há 10 anos, no entanto, sabe sempre bem ouvir pearl Jam e também ninguém sabe como se dança Pearl Jam, só se for ao Moche.
Realmente gostos não se discutem, se os 80 não te marcaram, marcaram a muitas outras pessoas. Eu gosto muito. Como também gosto muito de músicas dos anos 60.

Ana Margarida disse...

Eu gosto da música dos anos 80 lol Guilty pleasure! Bem viste em Aljezur lol ;P Eu nasci em 82 e embora os 80’s não tenham feito parte da minha adolescência, foi com os 80’s que tive o meu primeiro contacto com a música e adorava! Os meus pais compravam muita coisa… Tenho todos os “Hit Parade” e afins! Depois também sempre me dei com pessoas mais velhas que eu e por isso os 80’s nunca sairam muito do meu imaginário. Acho que é uma altura que permanecerá intemporal pela inspiração e influência que teve na música até aos nossos dias. Depois na adolescência veio o grunge, que eu até hoje venero, o rock alternativo, o metal... Mas há sempre espaço para o guilty pleasure dos 80’s ;) Acho que consegue animar uma noite como poucas músicas conseguem até porque, gostando ou não, toda a gente conhece e sabe nem que seja o refrão ;)

Ana Margarida disse...

Mas concordo contigo Vera. Os anos 90 estão no meu coração como os 80's não estão. As minhas bandas e músicas favoritas pertencem mais aos 90's ou 00's (lol) do que aos 80's.
Ursinho: Pearl Jam não é só moche!! :PPPP

Ursinho de peluche disse...

Anocas, estamos na luta, camarada! Contra a classe opressora dos 80's.
Beijinhos

Vera disse...

Ok...tou a ver que tenho de pedir ao Chico pra comentar... lolololol

Bem, e quanto ao animar uma noite com músicas que todos conhecem... tenho de sugerir que comecem a passar Quim Barreiros ou Emanuel... é que essas o refrão de certeza que sai direitinho! lolol